Fundo Social qualifica joseenses para o mercado de trabalho

Esta semana pode ser o início de um novo e bom capítulo na história de 103 joseenses. Com seus certificados de capacitação em mãos, nas áreas de Padaria Artesanal, Designer de Sobrancelhas e Corte e Costura, muitos já começam a gerar rendas e a proporcionar melhores condições de vida às suas famílias.

Vânia Santos Bezerra Morais, de 37 anos, está entre essas pessoas beneficiadas pela ação do Fundo Social de Solidariedade de São José dos Campos. Ao lado de seu filho mais velho, Matheus, de 17 anos, resolveu fazer o curso de Panificação Artesanal. “Com as técnicas que aprendi, faço mini sonhos, pães integrais e recheados e roscas e já consigo lucrar com esses produtos”, disse.

Mais do que a geração de renda, a qualificação também ajudou na saúde de dona Vânia, tirando-a de uma depressão. “Encontrei nesse curso uma grande motivação na vida. Vou me profissionalizar ao máximo e, assim, garantir os estudos dos meus três filhos”, afirmou Vânia.

Desde 2017, mais de 2.700 pessoas foram capacitadas em diversos cursos de qualificação. O objetivo do Fundo Social, por meio das entidades parceiras, é valorizar e aumentar a autoestima das pessoas que estão em vulnerabilidade social, fazendo-as acreditar que o trabalho tem poder transformador na sociedade.

Foto: Claudio Vieira/PMSJC


Comentar via Facebook

Comentário(s)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *