Tudo Sobre Nada

Tudo Sobre NadaCultura inútil é a definição que mais passa pela minha cabeça quando comecei a pensar em uma definição para esta coluna.

Com a evolução tecnológica dos últimos anos, a figura nerd passou a ser mais bem-vista pela sociedade, mas já houve um tempo em que ser chamado de nerd, geek ou CDF era algo depreciativo. No final do século XX e no início do XXI, porém, isso mudou. Crianças e jovens que mostravam interesses diversificados por várias áreas da ciência, cuja notas no colégio eram acima da média, e cuja inteligência e ironia peculiares os fazia vítimas de truculentos valentões, provaram que tinha o que era necessário para obter sucesso profissional no mundo capitalista. Na vida adulta ganharam o respeito de uma sociedade que, se reluta em aceitar a inteligência, aplaude o êxito financeiro e releva quaisquer excentricidades de nerds que deram certo na vida.

A cultura pop também está do nosso lado: cada vez mais filmes, livros, gibis e programas de TV estão sendo produzidos para essa tribo. Isto não é dizer que ser nerd/geek está na moda. Moda passa, nós viemos para ficar.

Foi seguindo os bons ventos geeks que resolvi começar a escrever esta coluna. Uma coluna que de forma alguma tem a pretensão de ser uma referência completa e definitiva sobre qualquer assunto, tratasse apenas de uma introdução sobre qualquer assunto da cultura pop.

Então é uma coluna Geek, Nerd e de Cultura Pop geral? Não vai além, também há espaço para Cultura Underground. Aquele “algo” que se opõe a à cultura pop, algo “escondido”, não significa que seja bom, mas como todos devem saber, há muitas preciosidades, músicas, filmes, livros e tudo quanto é coisa por ai e é nisso que o underground se sustenta, naquilo que é desconhecido pela maioria. Mas vale lembrar que hoje em dia existe uma linha muito fina que divide a cultura pop da cultura undeground, coisa que antes dos anos 90, antes da internet não era tão claro assim.

Okay, então é um espaço GeekNerdCulturaPop/Underground ?

Mais que isto é um espaço para “falar” Tudo sobre Nada e Nada sobre Tudo… Séries, Cinema, Tecnologia, Música, Arte, Geek, Nerd, Cultura Pop/Underground/Inútil.

Espero estar por aqui quinzenalmente, semanalmente, mensalmente, ou quando a mente ajudar e permitir…

E como diria o @PiadasNerds: “Quem ama o nerd, Bill Gates lhe parece.

Ricardo de Macedo


Comentar via Facebook

Comentário(s)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *